terça-feira, 5 de maio de 2009

RECOMPENSA


Sábado é dia de colocar o lixo para fora.Fico invocada de achar minha lixeira lotada de lixo alheio, e pior, sem estar ensacado ou ensacolado, humf!
Catando esse lixo para ensacá-lo e deixar o vizinho feliz, caiu uns papéis e documentos.Catei aquele "lixo" e com a ajuda do meu marido, mexemos os pauzinhos e conseguimos localizar o dono o e com menos de uma hora ele estava no meu portão.

O caso não era assalto, a versão do rapaz é que eletinha perdido a carteira em frente a um bar.Ninguém viu nada.Hum!!!A carteira e o dinheiro sumiram, e o "resto"foi colocado na minha lixeira.Depois da explicação agradeceu-me e queria me recompensar pela atitude, recusei, lógico, disse á ele que não fiz nada além da minha obrigação de cidadã civilizada.

Foi por esse fato que conclui:Essa coisa de recompensa deveria ficar somente em filmes e livros de faroeste, onde o xerife não faz nada mais que recompensar com fortunas as cabeças dos bandidos.Não vejo respeito, cidadania nessas histórias, pois matar bandidos ou mocinhos é deixar os corpos á vontade dos urubus.Me perdoe se você adora devorar aqueles livrinhos que cabem no bolso ou é fanático pela música"era uma vez no oeste".

Vejo faixas onde oferecem recompensas por animais perdidos.Ora puxa!Custa um bom cidadão devolver o bichinho ao dono sem interesses de "grana"?Faça com outros o que gostaria que fizessem com você.Entendeu?

Acho-me boa pessoa , com boa índole, pois quando fui dormir á noite, pude colocar a cabeça no travesseiro e ficar tranquila.Boa ação?Não obrigação.Fiquei tranquila devido minha civilidade.Sou chic, e ninguém é chic se não for civilizado, já escreveu a Gloria Kalil.

3 comentários:

Tânia Defensora disse...

É isso aí.
Também acho um absurdo esse lance de recompensar algo que deveria ser obrigação moral de todo mundo.

Nanda Assis disse...

excelente exemplo amiga.

bjosss...

Keidy Lee Jones disse...

É isso ai!
abs.